. : Mensagens
busca por notícias/mensagens
 
 
 
 

Missionária de Deus


Tenho-a na mente e no coração aureolada de ternura e gratidão.

Repasso pela memória os lances da existência e a encontro como um raio de sol vencendo a escuridão e contribuindo para o meu esclarecimento.

Seus cuidados trabalharam o grotesco da minha ignorância, lapidando a carapaça da gema preciosa que ela conseguiu arrancar da ganga.

Com paciência angelical, repetiu-me, vezes mil, as lições do dever e da dignidade.

A sua habitual gentileza e a sua coragem estoica trabalharam os painéis dos meus sentimentos, ajudando-me a pautar os meus atos nas linhas do eterno Bem.

Não poucas vezes desenhou na minha emoção os cromos de beleza inigualável da compreensão humana e da compaixão por aqueles que a feriam...

Nunca mediu dificuldade ou deixou de experimentar dissabor, resguardando-me no seio generoso.

Sua doce voz inolvidável era sempre uma canção que me dulcificou em todos os momentos.

Vulnerável ao amor, era uma pauta musicada pela bondade de Deus.

Sempre me ocultou as lágrimas para que eu não parasse de sorrir. No entanto, fortaleceu-me para as vicissitudes e para os desafios existenciais.

Com o exemplo, fez-me compreender a diferença entre a virtude e o vício, o social e o moral, o certo e o errado...

Evitou-me incontáveis problemas, auxiliando-me nas horas difíceis.

Nunca a esqueci e jamais a esquecerei.

Agora que também me tornei mãe, desejo exaltá-la no altar dos meus momentos, compreendo sua grandeza de escol, Mãezinha!

Rogo-lhe que interceda junto à Santíssima, a inolvidável mãe de Jesus, em favor da maternidade ultrajada nestes dias de violência e de horror.

Que ela possa sensibilizar as mulheres do mundo moderno e enganoso, a fim

de que, à sua semelhança, tornem a Terra de hoje o paraíso de amanhã.

O amor de mãe, qual o maior em qualquer expressão nobre, é força incoercível que proporciona a plenitude do ser humano.

Agradeço-lhe, mamãe, pela honra de ser sua filha.

 

Amélia Rodrigues
Psicografia de Divaldo Pereira Franco, em 19 de março de 2018,
 na reunião mediúnica do Centro Espírita Caminho da Redenção,
 em Salvador, Bahia.
Em 12.6.2018.

 
     
 
 
 
. Últimas Mensagens

 
 
 
Documento sem título